jQuery(document).ready(function($){$('#aside .widget-archive > ul').addClass('fancy');});

Casa do Turista funcionará durante os festejos de Momo  

Turista não se perde nas ladeiras, nem no Carnaval se depender do esforço da Prefeitura de Olinda. Para prestar informações e ajudar os foliões, a Casa do Turista (Rua de São Bento, nº 742, Carmo) vai funcionar do sábado de Zé Pereira a Quarta de Cinzas. Serão distribuídos ainda folhetos, mapas da cidade e o tão requisitado guia com a programação completa dos dias de folia na Cidade Patrimônio.

O horário de atendimento será das 9 às 18h e uma equipe de aproximadamente 20 pessoas, entre servidores técnicos, estagiários e contratados, estará disponível para tirar dúvidas dos foliões e de todos os turistas.

De acordo com o secretário de Turismo Desenvolvimento Econômico e Tecnologia de Olinda, João Luiz, durante todos os turnos de funcionamento do espaço, haverá pelo menos dois atendentes bilíngues. “O Carnaval da nossa cidade é mundialmente famoso e precisamos deixar uma boa impressão. Então a nossa ideia é de que possamos atender a todos, inclusive o turista que vem do exterior”, destacou.

Olinda garante Carnaval inclusivo com o Camarote da Acessibilidade

A expectativa é de que 400 pessoas sejam atendidas durante os quatro dias de folia no espaço, que contará com rampas, banheiros acessíveis, audiodescrição e intérpretes de libras

Inclusão. Essa é a proposta do Camarote da Acessibilidade, espaço disponibilizado pela Prefeitura de Olinda durante o Carnaval 2017 para que pessoas com qualquer tipo de necessidades especiais (física, intelectual, visual e auditiva) ou com mobilidade reduzida acompanhem de pertinho a festa de Momo de forma saudável e segura.

Localizado na Praça do Carmo (Avenida Liberdade, 246), o camarote contará com uma estrutura sinalizada, rampas de acesso e corrimões, banheiros adaptados para cadeirantes, e, a partir do domingo, audiodescrição para deficientes visuais e intérprete de libras para deficientes auditivos.  O espaço funcionará do Sábado de Zé Pereira até a Terça-feira Gorda, das 9 às 16h, e terá capacidade de atender até 100 pessoas por dia.

Para ter acesso ao local, é necessário se inscrever. O cadastro pode ser feito por e-mail (coordenadoriacipdolinda@gmail.com) ou telefone (3429.6777, ramais: 219 ou 240). O prazo segue aberto até o dia 22 de fevereiro ou até as vagas acabarem. Cada pessoa pode conseguir vaga para até dois dias de carnaval. De acordo com a secretária executiva da Mulher e dos Direitos Humanos da cidade, Verônica Brayner, a medida tem como meta atender o maior número possível de pessoas.

Uma equipe de acolhimento do camarote será composta por 15 servidores técnicos da Secretaria de Desenvolvimento Social, Cidadania e Direitos Humanos, além de funcionários da Guarda Municipal.

Prefeitura de Olinda anuncia Carnaval mais multicultural e conectado para 2017

Por Marcos Oliveira

O mais famoso Carnaval de rua do Brasil está ainda mais multicultural e conectado em 2017. A Prefeitura da cidade de Olinda anunciou, durante coletiva de imprensa nesta terça-feira (07), os polos, o jingle, a decoração e outras novidades que os olindenses e turistas encontrarão. Além disso, os foliões terão na palma da mão facilmente todos os detalhes sobre o festejo mais popular do País. É que junto com o site, foi desenvolvido um aplicativo de celular que disponibilizará todas as informações sobre a festa que este ano tem como tema: “Essa Alegria Tem História”. Os homenageados são o cantor, compositor e arranjador Erasto Vasconcelos, falecido em 2016, e o presidente do Homem da Meia-Noite, Luiz Adolpho Alves.

Uma das novidades é que a abertura, na noite da quinta-feira (23.02), será em um palco principal montado em frente à sede da Prefeitura, com show especial de Alceu Valença.

Em uma cidade que respira cultura e história como a Marim dos Caetés, a marca dos 35 anos do Título de Patrimônio concedido pela Unesco em 1982 não poderia ficar de fora. Além de estar presente na temática, foi lançado um selo marcando a celebração.

O Prefeito de Olinda, Professor Lupércio, frisou o trabalho integrado que foi montado. “Estamos há meses voltados para fazer o melhor. Criamos uma Comissão do Carnaval, pela primeira vez na nossa História, para aperfeiçoar ideias e centrarmos no mesmo objetivo”, pontuou o gestor, que continuará monitorando de perto todas as ações. Afinal, além dos moradores, a cidade recebe foliões do Brasil todo e de diversas partes do mundo.

Gente que chega animada para brincar nas ladeiras ao som da riqueza cultural tão característica de Olinda: como Frevo, Samba, Maracatus, Caboclinhos, Bandas de Pau e Corda, Coco e muito mais. Ao todo, serão 13 polos culturais e o Camarote da Acessibilidade, que ficará na Praça da Preguiça, no Carmo.

Os polos serão: Luiz Adolpho, no Fortim (Diversidade Musical e Convidados); Erasto Vasconcelos, na Praça do Jacaré (Cena Pernambucana); Luiz de França, Varadouro (Maracatus, Caboclinhos Convidados); Lula Gonzaga, no Guadalupe (Capoeira, Cinema, Coco de Roda, Afoxé e Samba); Selma do Coco, no Carmo/Correios (Coco de Roda e Ciranda); Bajado, em Rio Doce (Cultura Popular e Diversidade Musical); Polo Maestro Duda de Olinda, na 12 Março (Bailes de Frevo e Convidados); Auristela Freire, no Salgadinho (Cultura Popular e Diversidade Musical).